Liturgia diária

Liturgia Diária | 07/06/24

Acompanhe a liturgia do dia 7 de junho de 2024, com texto e comentários patrísticos da Bíblia da Minha Biblioteca Católica.

Liturgia Diária | 07/06/24
Liturgia diária

Liturgia Diária | 07/06/24

Acompanhe a liturgia do dia 7 de junho de 2024, com texto e comentários patrísticos da Bíblia da Minha Biblioteca Católica.

Data da Publicação: 06/06/2024
Tempo de leitura:
Autor: Redação Minha Biblioteca Católica
Data da Publicação: 06/06/2024
Tempo de leitura:
Autor: Redação Minha Biblioteca Católica

Sexta-feira, 9ª semana do Tempo Comum. Solenidade do Sagrado Coração de Jesus.

Oração da manhã

“Inspirai, Senhor, as nossas ações e ajudai-nos a realizá-las, para que em Vós comece e termine tudo aquilo que fizermos. Por Cristo, Senhor nosso. Amém.” 1

Primeira leitura

Oséias 11,1.3-4.8c-9

1 Como passa o crepúsculo da manhã, passou o rei de Israel. Quando Israel era menino, eu o amei, e chamei do Egito o meu filho.

3 Entretanto, eu, como aio de Efraim, trazia-os nos meus braços, e eles não reconheceram que era eu quem cuidava deles. 

4 Atraí-os para mim com vínculos próprios de homens, com os vínculos da caridade. Fui para eles como quem tira o jugo de cima dos seus queixos, e aproximei-me deles para os nutrir.

8c O meu coração está comovido dentro de mim mesmo, sinto-me como que arrependido.

9 Não desafogarei todo o furor da minha ira; não me resolverei a destruir Efraim, porque sou Deus e não um homem; sou o Santo no meio de ti, e não entrarei nas tuas cidades.

Salmo

Is 12,2-3.4bcd.5-6 (R.3)

R. Tirareis com gosto águas das fontes do Salvador!

2 Eis que Deus é o meu Salvador; viverei cheio de confiança e não temerei, porque o Senhor é a minha fortaleza e a minha glória, e ele se tornou a minha salvação. R.

3 Tirareis com gosto águas das fontes do Salvador”,
4b “Louvai o Senhor e invocai o seu nome;
c publicai entre os povos as suas obras;
d lembrai-vos que o seu nome é excelso. R.

5 Cantai ao Senhor, porque ele fez coisas magníficas; anunciai isto em toda a terra.
6 Exulta e louva, casa de Sião, porque se mostra grande no meio de ti o Santo de Israel”. R.

Segunda leitura

Efésios 3,8-12.14-19

8 A mim, o mínimo de todos os santos, me foi dada esta graça de anunciar entre os gentios as riquezas incompreensíveis de Cristo 

9 e de manifestar a todos qual seja a dispensação do mistério escondido desde o princípio dos séculos, em Deus, que tudo criou, 

10 e para que a multiforme sabedoria de Deus seja manifestada por meio da Igreja aos principados e potestades nos céus, 

11 conforme a determinação eterna que ele realizou em Jesus Cristo Nosso Senhor,

12 no qual temos segurança e acesso [a Deus] com confiança, por meio da fé nele.

14 Por esta causa dobro os meus joelhos diante do Pai de Nosso Senhor Jesus Cristo, 

15 do qual toda a família nos céus e na terra toma o nome, 

16 para que, segundo as riquezas da sua glória, vos conceda que sejais corroborados em virtude, segundo o homem interior, pelo seu Espírito. 

17 E que Cristo habite pela fé nos vossos corações, de sorte que, arraigados e fundados na caridade,

18 possais compreender, com todos os santos, qual seja a largura, o comprimento, a altura e a profundidade,

19 e conhecer também aquele amor de Cristo, que excede toda a ciência, para que sejais cheios de toda a plenitude de Deus.

Evangelho

João 19,31-37

31 Ora, os judeus, visto que era a Parasceve, não admitindo que ficassem os corpos na cruz no sábado, porque aquele dia de sábado era de grande solenidade, rogaram a Pilatos que lhes quebrassem as pernas, e fossem tirados.

32 Foram os soldados e quebraram as pernas ao primeiro e ao outro com quem ele fora crucificado. 

33 Mas, quando chegaram a Jesus, ao verem que já estava morto, não lhe quebraram as pernas; 

34 no entanto, um dos soldados abriu-lhe um lado com uma lança, e imediatamente saiu sangue e água. 

35 E aquele que viu, deu testemunho disso, e o seu testemunho é verdadeiro. Ele sabe que diz a verdade, para que também vós acrediteis. 

36 Porque estas coisas sucederam para que se cumprisse a Escritura: Não lhe quebrareis osso algum.

37 E diz outro lugar da Escritura: Lançarão o olhar para aquele a quem traspassaram.

Santo do dia

São Roberto de Newminster
7 de junho

Em 1132, Roberto era monge em Whitby, na Inglaterra, quando chegou-lhe a notícia de que treze monges haviam sido violentamente expulsos da Abadia de S. Maria em York, por terem proposto restaurar a estrita regra beneditina. Imediatamente partiu para se unir a eles (…). Na primavera, afiliaram-se à reforma de São Bernardo em Claraval, e por dois anos lutaram na mais extrema pobreza. Em 1137, Ranulfo, Barão de Morpeth, ficou tão edificado pelo exemplo dos monges em Fountains que mandou lhes construir um mosteiro em Northumberland, chamado de Newminster, do qual São Roberto se tornou abade. A santidade de sua vida, ainda mais do que suas palavras, guiaram seus irmãos à perfeição, e nos dez anos seguintes surgiram três novas comunidades a partir dessa casa, que acabaram se tornando focos de santidade em outras regiões. (Butler, Alban. Vida dos Santos, 2021, p. 250-252.))

Outros santos do dia: Santo Antônio Gianelli, São Pedro de Córdova, São Meriadoco e São Colmano de Dromore.


Referências

  1. Devocionário a São José, página 33.[]

Assine nossa newsletter com conteúdos exclusivos

    Ao clicar em quero assinar você declara aceita receber conteúdos em seu email e concorda com a nossa política de privacidade.

    Redação Minha Biblioteca Católica

    O maior clube de leitores católicos do Brasil.

    Garanta seu box

    Sexta-feira, 9ª semana do Tempo Comum. Solenidade do Sagrado Coração de Jesus.

    Oração da manhã

    “Inspirai, Senhor, as nossas ações e ajudai-nos a realizá-las, para que em Vós comece e termine tudo aquilo que fizermos. Por Cristo, Senhor nosso. Amém.” 1

    Primeira leitura

    Oséias 11,1.3-4.8c-9

    1 Como passa o crepúsculo da manhã, passou o rei de Israel. Quando Israel era menino, eu o amei, e chamei do Egito o meu filho.

    3 Entretanto, eu, como aio de Efraim, trazia-os nos meus braços, e eles não reconheceram que era eu quem cuidava deles. 

    4 Atraí-os para mim com vínculos próprios de homens, com os vínculos da caridade. Fui para eles como quem tira o jugo de cima dos seus queixos, e aproximei-me deles para os nutrir.

    8c O meu coração está comovido dentro de mim mesmo, sinto-me como que arrependido.

    9 Não desafogarei todo o furor da minha ira; não me resolverei a destruir Efraim, porque sou Deus e não um homem; sou o Santo no meio de ti, e não entrarei nas tuas cidades.

    Salmo

    Is 12,2-3.4bcd.5-6 (R.3)

    R. Tirareis com gosto águas das fontes do Salvador!

    2 Eis que Deus é o meu Salvador; viverei cheio de confiança e não temerei, porque o Senhor é a minha fortaleza e a minha glória, e ele se tornou a minha salvação. R.

    3 Tirareis com gosto águas das fontes do Salvador”,
    4b “Louvai o Senhor e invocai o seu nome;
    c publicai entre os povos as suas obras;
    d lembrai-vos que o seu nome é excelso. R.

    5 Cantai ao Senhor, porque ele fez coisas magníficas; anunciai isto em toda a terra.
    6 Exulta e louva, casa de Sião, porque se mostra grande no meio de ti o Santo de Israel”. R.

    Segunda leitura

    Efésios 3,8-12.14-19

    8 A mim, o mínimo de todos os santos, me foi dada esta graça de anunciar entre os gentios as riquezas incompreensíveis de Cristo 

    9 e de manifestar a todos qual seja a dispensação do mistério escondido desde o princípio dos séculos, em Deus, que tudo criou, 

    10 e para que a multiforme sabedoria de Deus seja manifestada por meio da Igreja aos principados e potestades nos céus, 

    11 conforme a determinação eterna que ele realizou em Jesus Cristo Nosso Senhor,

    12 no qual temos segurança e acesso [a Deus] com confiança, por meio da fé nele.

    14 Por esta causa dobro os meus joelhos diante do Pai de Nosso Senhor Jesus Cristo, 

    15 do qual toda a família nos céus e na terra toma o nome, 

    16 para que, segundo as riquezas da sua glória, vos conceda que sejais corroborados em virtude, segundo o homem interior, pelo seu Espírito. 

    17 E que Cristo habite pela fé nos vossos corações, de sorte que, arraigados e fundados na caridade,

    18 possais compreender, com todos os santos, qual seja a largura, o comprimento, a altura e a profundidade,

    19 e conhecer também aquele amor de Cristo, que excede toda a ciência, para que sejais cheios de toda a plenitude de Deus.

    Evangelho

    João 19,31-37

    31 Ora, os judeus, visto que era a Parasceve, não admitindo que ficassem os corpos na cruz no sábado, porque aquele dia de sábado era de grande solenidade, rogaram a Pilatos que lhes quebrassem as pernas, e fossem tirados.

    32 Foram os soldados e quebraram as pernas ao primeiro e ao outro com quem ele fora crucificado. 

    33 Mas, quando chegaram a Jesus, ao verem que já estava morto, não lhe quebraram as pernas; 

    34 no entanto, um dos soldados abriu-lhe um lado com uma lança, e imediatamente saiu sangue e água. 

    35 E aquele que viu, deu testemunho disso, e o seu testemunho é verdadeiro. Ele sabe que diz a verdade, para que também vós acrediteis. 

    36 Porque estas coisas sucederam para que se cumprisse a Escritura: Não lhe quebrareis osso algum.

    37 E diz outro lugar da Escritura: Lançarão o olhar para aquele a quem traspassaram.

    Santo do dia

    São Roberto de Newminster
    7 de junho

    Em 1132, Roberto era monge em Whitby, na Inglaterra, quando chegou-lhe a notícia de que treze monges haviam sido violentamente expulsos da Abadia de S. Maria em York, por terem proposto restaurar a estrita regra beneditina. Imediatamente partiu para se unir a eles (…). Na primavera, afiliaram-se à reforma de São Bernardo em Claraval, e por dois anos lutaram na mais extrema pobreza. Em 1137, Ranulfo, Barão de Morpeth, ficou tão edificado pelo exemplo dos monges em Fountains que mandou lhes construir um mosteiro em Northumberland, chamado de Newminster, do qual São Roberto se tornou abade. A santidade de sua vida, ainda mais do que suas palavras, guiaram seus irmãos à perfeição, e nos dez anos seguintes surgiram três novas comunidades a partir dessa casa, que acabaram se tornando focos de santidade em outras regiões. (Butler, Alban. Vida dos Santos, 2021, p. 250-252.))

    Outros santos do dia: Santo Antônio Gianelli, São Pedro de Córdova, São Meriadoco e São Colmano de Dromore.


    Referências

    1. Devocionário a São José, página 33.[]

    Assine nossa newsletter com conteúdos exclusivos

      Ao clicar em quero assinar você declara aceita receber conteúdos em seu email e concorda com a nossa política de privacidade.