A perfeita alegria
Espiritualidade

A perfeita alegria

Data da Publicação: 11/09/2021
Tempo de leitura:
Autor: Redação MBC
Data da Publicação: 11/09/2021
Tempo de leitura:
Autor: Redação MBC

O que é a perfeita alegria e como conquistá-la? São Francisco nos ensina que a alcançamos ao abraçar a cruz, as penas e injúrias, por amor a Cristo!

Confira abaixo a crônica da Perfeita Alegria, em que São Francisco conversa com Frei Leão sobre como conquistar a essa alegria verdadeira:

“Num dia de muito gelo e frio, São Francisco caminhava de Perúgia a Santa Maria dos Homens junto a Frei Leão. No meio do caminho, Francisco começa a exclamar: “Anota o que eu digo, frade! Ainda que os frades menores por toda a terra deem grande exemplo de santidade não está aí a perfeita alegria. Ainda que o frade menor soubesse todas as línguas e todas as ciências, profecias e coisas futuras, não está nisso a perfeita alegria. Ainda que o frade menor soubesse pregar tão bem que convertesse todos os infiéis à fé de Cristo, escreve que não está aí a perfeita alegria.”

Frei Leão, perturbado, finalmente questiona o santo em êxtase: o que é, Pai Francisco, a perfeita felicidade?

“Quando chegarmos a Santa Maria dos Anjos, ensopados de chuva, congelados de frio e cheios de fome, e formos rejeitados pelo porteiro como farsantes, e expulsos a pancadas, se sustentarmos sem murmuração essas injúrias, teremos a perfeita felicidade.


Escreve, Frei Leão, é nisto que está a verdadeira alegria: de bom grado, por amor de Cristo, suportar as penas e injúrias, os opróbrios e transtornos.”

Assine nossa newsletter com conteúdos exclusivos

    Ao clicar em quero assinar você declara aceita receber conteúdos em seu email e concorda com a nossa política de privacidade.

    Redação MBC

    Redação MBC

    O maior clube de leitores católicos do Brasil.

    Garanta seu box

    O que você vai encontrar neste artigo?

    O que é a perfeita alegria e como conquistá-la? São Francisco nos ensina que a alcançamos ao abraçar a cruz, as penas e injúrias, por amor a Cristo!

    Confira abaixo a crônica da Perfeita Alegria, em que São Francisco conversa com Frei Leão sobre como conquistar a essa alegria verdadeira:

    “Num dia de muito gelo e frio, São Francisco caminhava de Perúgia a Santa Maria dos Homens junto a Frei Leão. No meio do caminho, Francisco começa a exclamar: “Anota o que eu digo, frade! Ainda que os frades menores por toda a terra deem grande exemplo de santidade não está aí a perfeita alegria. Ainda que o frade menor soubesse todas as línguas e todas as ciências, profecias e coisas futuras, não está nisso a perfeita alegria. Ainda que o frade menor soubesse pregar tão bem que convertesse todos os infiéis à fé de Cristo, escreve que não está aí a perfeita alegria.”

    Frei Leão, perturbado, finalmente questiona o santo em êxtase: o que é, Pai Francisco, a perfeita felicidade?

    “Quando chegarmos a Santa Maria dos Anjos, ensopados de chuva, congelados de frio e cheios de fome, e formos rejeitados pelo porteiro como farsantes, e expulsos a pancadas, se sustentarmos sem murmuração essas injúrias, teremos a perfeita felicidade.


    Escreve, Frei Leão, é nisto que está a verdadeira alegria: de bom grado, por amor de Cristo, suportar as penas e injúrias, os opróbrios e transtornos.”

    Assine nossa newsletter com conteúdos exclusivos

      Ao clicar em quero assinar você declara aceita receber conteúdos em seu email e concorda com a nossa política de privacidade.