Formação

Frases de Fulton Sheen

Conheça algumas grandes frases de Fulton Sheen, um bispo católico americano que é considerado o maior comunicador do século XX.

Frases de Fulton Sheen
Formação

Frases de Fulton Sheen

Conheça algumas grandes frases de Fulton Sheen, um bispo católico americano que é considerado o maior comunicador do século XX.

Data da Publicação: 22/12/2023
Tempo de leitura:
Autor: Redação MBC
Data da Publicação: 22/12/2023
Tempo de leitura:
Autor: Redação MBC

O maior comunicador do século XX foi ninguém menos do que um Bispo católico chamado Fulton Sheen, cujo dom de comunicação e inteligência eram tão grandes que foi capaz de alcançar e converter milhões de pessoas para a fé católica que ele tanto amou, defendeu e propagou. Neste artigo, apresentaremos algumas famosas frases de Fulton Sheen, sobre a felicidade, o matrimônio, a fé e a Igreja.

Continue lendo para ser mais uma vítima das catequeses extraordinárias de Fulton Sheen.

Quem foi Fulton Sheen?

Fulton Sheen foi um arcebispo americano famoso pelos seus dons de comunicação, que alcançou milhões de almas através do programa que fazia na rádio entre os anos 50 e 60. Foi responsável pela conversão de famosos como Henry Ford II e hoje é conhecido como o mais famoso pregador do catolicismo nos EUA, além de já estar em processo de beatificação.

Nascido em El Paso, no estado de Illinois, em 1895, Sheen recebeu de Deus uma missão apostólica. Por isso, foi guiado por Ele desde cedo na vocação ao sacerdócio e nos estudos aprofundados. Aos 24 anos foi ordenado sacerdote e em 1923 fez o seu doutorado em filosofia na Bélgica, pela Universidade Católica de Louvain. Foi o primeiro a receber o prêmio “Cardeal Mercier”, um prêmio internacional de filosofia.

O bispo Sheen foi o maior comunicador do século XX, e tudo começou quando ele iniciou um programa semanal na rádio chamado “A Hora Católica”. Antes de se tornar bispo, foi pároco em uma pequena e pobre comunidade, e mesmo na humilde paróquia, exerceu bem o seu papel de evangelizar e formar paroquianos piedosos. Sua vida foi um exemplo para todos nós que, pelo batismo, também recebemos a missão de ser apóstolos, cada um através do seu dom e da sua vocação.

Conheça mais sobre a vida do Venerável Fulton Sheen.

Conheça algumas frases de Fulton Sheen

Frases de Fulton Sheen sobre a felicidade

“A nossa felicidade consiste em realizar a finalidade do nosso ser.”

Como um grande estudioso de filosofia, Sheen compreendia que a felicidade não está nos bens deste mundo, mas apenas na vivência daquilo que fomos criados para ser, ou seja, na busca dos bens eternos. Como nos diz o próprio Catecismo da Igreja, o homem foi criado por Deus e para Deus: “O desejo de Deus é um sentimento inscrito no coração do homem, porque o homem foi criado por Deus e para Deus. Deus não cessa de atrair o homem para Si e só em Deus é que o homem encontra a verdade e a felicidade que procura sem descanso.” 1

“Assim como a tristeza é a companheira do pecado, a alegria é a companheira da santidade.”

A pessoa que nega a busca desordenada de prazeres e de bens materiais pode parecer estar aprisionada, no entanto, é justamente na negação de si mesmo, dos próprios desejos maus, que somos livres. Quanto mais dependentes dos vícios e dos bens materiais, mais escravos somos. Fulton Sheen expressa tal pensamento ao dizer que quem se afunda no pecado e não sabe negar seus maus desejos e inclinações, é uma pessoa triste, porque é escrava de si mesma. Já uma pessoa que nega a si mesma e abre-se para os bens eternos e verdadeiramente bons numa busca concreta pela santidade, é uma pessoa feliz, pois conseguiu desprender-se de si e abrir-se para Deus.

“Nesta época, muitas coisas nos solicitam a procurar a felicidade entre as satisfações baratas e materiais, que não requerem esforço íntimo, nem emprego da inteligência ou da vontade.”

Se na época de Fulton Sheen, ou seja, aproximadamente 70 anos atrás, a busca pela felicidade já estava voltada para baixo, ou seja, para a matéria, imaginemos hoje, em que o prazer se tornou uma espécie de religião, em que a sociedade toda gira em torno do prazer. uma realidade passageira, mutável e incerta. A consequência de tal busca é a infelicidade e a sensação de finitude. O homem que não coloca suas esperanças na eternidade é um homem que não enxerga o seu fim senão na matéria que vai se corromper e acabar para sempre.

Fulton Sheen sobre o casamento

o casal e os frutos do matrimônio, assunto recorrente nas frases de fulton sheen.

“O amor humano é uma centelha da grande chama da Eternidade. A felicidade que emana da união de dois seres numa só carne é o prelúdio dessa comunhão maior de duas almas numa só alma.”

O verdadeiro sentido do amor foi corrompido. E nesta frase, o Bispo Sheen resgata a essência do verdadeiro amor: que não se limita à carne e aos prazeres que são lícitos no casamento — mas não são sua realização última. O maior amor se dá na doação completa da própria vida pelo outro, assim como Cristo doou a sua própria vida para nos dar o maior exemplo de amor. O amor bem vivido aqui na terra é uma espécie de prévia, dadas as devidas proporções, do que é o verdadeiro amor que experimentaremos na eternidade.

“Poucas coisas há mais belas na vida do que ver esta paixão profunda do homem pela mulher, que gerou filhos como mútua encarnação do seu amor, transfigurar-se naquela mais profunda «paixão sem paixão e violenta tranquilidade» que é Deus.”

Se a paixão humana gera tão belos frutos e nos enchem de tão verdadeira felicidade, que são os filhos que geramos aqui na terra, quanto mais a paixão — que não é paixão, mas puro amor e paz — que vem de Deus, gerará frutos extraordinários em nossas almas quando O contemplarmos no céu por toda a eternidade.

Sobre a fé e a Igreja

“Você diz que não vai à igreja porque está cheio de hipócritas lá? Eu digo que você está certo, mas venha mesmo assim, temos espaço para mais um.”

O venerável Fulton Sheen apenas nos relembra o que o próprio Cristo nos ensinou: “Ouvindo-os, Jesus replicou: ‘Os sãos não precisam de médico, mas os enfermos; não vim chamar os jus­tos, mas os pecadores.’” 2 A Igreja, de fato, é um lugar para os pecadores, pois aqueles que estão sãos não precisam ir ao hospital e muito menos serem atendidos por um médico. É muito melhor ser um pecador consciente de seu pecado, que busca na Igreja a sua santificação, do que conformar-se com o pecado e se distanciar do único caminho que pode verdadeiramente nos curar e transformar.

“Aqueles que pensam que a Igreja se ocupa demasiado com Maria devem refletir no fato do Próprio Cristo ter dado dez vezes mais da Sua vida à Sua Mãe do que deu aos seus apóstolos.”

Nosso Senhor Jesus passou cerca de 3 anos dedicando-se aos seus discípulos e ao seu povo, mas passou 30 anos dedicando-se a amar a sua família, criando laços de amor com a sua Mãe, cuja profundidade ninguém no mundo pode compreender. Se gastamos horas e muito dinheiro indo visitar a Terra Santa — um lugar maravilhoso, de fato — por que não visitamos a Mãe de Jesus, cujo ventre santo O carregou? Para irmos à Santíssima Virgem Maria não precisamos de dinheiro e nem de horas de viagem, basta que peçamos Sua intercessão com toda fé e amor.

A oração do rosário é uma das mais populares formas de devoção à Virgem Maria. Conheça o que são os mistérios do terço e a importância deles na nossa vida espiritual.

“Se você quiser encontrar Cristo hoje, então procure a Igreja que não se dá bem com o mundo. Procure a Igreja que é odiada pelo mundo, como Cristo foi odiado pelo mundo. Procure a Igreja que é acusada de estar atrasada, como Nosso Senhor foi acusado de ser ignorante e de nunca ter aprendido.”

A Igreja é o Corpo de Cristo. E assim como Ele foi perseguido, caluniado, maltratado e acusado injustamente, a Igreja também foi e sempre será, pois cabe à ela defender e sustentar o Evangelho e a Tradição dos apóstolos que vem de Cristo. No entanto, não podemos temer fazer parte desta Igreja e propagar a Verdade que ela carrega. Lembremos sempre da grande promessa feita pelo próprio Cristo:

“E eu te declaro: tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja; as portas do inferno não prevalecerão contra ela.” 3

Referências

  1. CIC. 27[]
  2. São Marcos 2, 17[]
  3. São Mateus 16, 18[]

Assine nossa newsletter com conteúdos exclusivos

    Ao clicar em quero assinar você declara aceita receber conteúdos em seu email e concorda com a nossa política de privacidade.

    Redação MBC

    Garanta seu box

    O maior comunicador do século XX foi ninguém menos do que um Bispo católico chamado Fulton Sheen, cujo dom de comunicação e inteligência eram tão grandes que foi capaz de alcançar e converter milhões de pessoas para a fé católica que ele tanto amou, defendeu e propagou. Neste artigo, apresentaremos algumas famosas frases de Fulton Sheen, sobre a felicidade, o matrimônio, a fé e a Igreja.

    Continue lendo para ser mais uma vítima das catequeses extraordinárias de Fulton Sheen.

    Quem foi Fulton Sheen?

    Fulton Sheen foi um arcebispo americano famoso pelos seus dons de comunicação, que alcançou milhões de almas através do programa que fazia na rádio entre os anos 50 e 60. Foi responsável pela conversão de famosos como Henry Ford II e hoje é conhecido como o mais famoso pregador do catolicismo nos EUA, além de já estar em processo de beatificação.

    Nascido em El Paso, no estado de Illinois, em 1895, Sheen recebeu de Deus uma missão apostólica. Por isso, foi guiado por Ele desde cedo na vocação ao sacerdócio e nos estudos aprofundados. Aos 24 anos foi ordenado sacerdote e em 1923 fez o seu doutorado em filosofia na Bélgica, pela Universidade Católica de Louvain. Foi o primeiro a receber o prêmio “Cardeal Mercier”, um prêmio internacional de filosofia.

    O bispo Sheen foi o maior comunicador do século XX, e tudo começou quando ele iniciou um programa semanal na rádio chamado “A Hora Católica”. Antes de se tornar bispo, foi pároco em uma pequena e pobre comunidade, e mesmo na humilde paróquia, exerceu bem o seu papel de evangelizar e formar paroquianos piedosos. Sua vida foi um exemplo para todos nós que, pelo batismo, também recebemos a missão de ser apóstolos, cada um através do seu dom e da sua vocação.

    Conheça mais sobre a vida do Venerável Fulton Sheen.

    Conheça algumas frases de Fulton Sheen

    Frases de Fulton Sheen sobre a felicidade

    “A nossa felicidade consiste em realizar a finalidade do nosso ser.”

    Como um grande estudioso de filosofia, Sheen compreendia que a felicidade não está nos bens deste mundo, mas apenas na vivência daquilo que fomos criados para ser, ou seja, na busca dos bens eternos. Como nos diz o próprio Catecismo da Igreja, o homem foi criado por Deus e para Deus: “O desejo de Deus é um sentimento inscrito no coração do homem, porque o homem foi criado por Deus e para Deus. Deus não cessa de atrair o homem para Si e só em Deus é que o homem encontra a verdade e a felicidade que procura sem descanso.” 1

    “Assim como a tristeza é a companheira do pecado, a alegria é a companheira da santidade.”

    A pessoa que nega a busca desordenada de prazeres e de bens materiais pode parecer estar aprisionada, no entanto, é justamente na negação de si mesmo, dos próprios desejos maus, que somos livres. Quanto mais dependentes dos vícios e dos bens materiais, mais escravos somos. Fulton Sheen expressa tal pensamento ao dizer que quem se afunda no pecado e não sabe negar seus maus desejos e inclinações, é uma pessoa triste, porque é escrava de si mesma. Já uma pessoa que nega a si mesma e abre-se para os bens eternos e verdadeiramente bons numa busca concreta pela santidade, é uma pessoa feliz, pois conseguiu desprender-se de si e abrir-se para Deus.

    “Nesta época, muitas coisas nos solicitam a procurar a felicidade entre as satisfações baratas e materiais, que não requerem esforço íntimo, nem emprego da inteligência ou da vontade.”

    Se na época de Fulton Sheen, ou seja, aproximadamente 70 anos atrás, a busca pela felicidade já estava voltada para baixo, ou seja, para a matéria, imaginemos hoje, em que o prazer se tornou uma espécie de religião, em que a sociedade toda gira em torno do prazer. uma realidade passageira, mutável e incerta. A consequência de tal busca é a infelicidade e a sensação de finitude. O homem que não coloca suas esperanças na eternidade é um homem que não enxerga o seu fim senão na matéria que vai se corromper e acabar para sempre.

    Fulton Sheen sobre o casamento

    o casal e os frutos do matrimônio, assunto recorrente nas frases de fulton sheen.

    “O amor humano é uma centelha da grande chama da Eternidade. A felicidade que emana da união de dois seres numa só carne é o prelúdio dessa comunhão maior de duas almas numa só alma.”

    O verdadeiro sentido do amor foi corrompido. E nesta frase, o Bispo Sheen resgata a essência do verdadeiro amor: que não se limita à carne e aos prazeres que são lícitos no casamento — mas não são sua realização última. O maior amor se dá na doação completa da própria vida pelo outro, assim como Cristo doou a sua própria vida para nos dar o maior exemplo de amor. O amor bem vivido aqui na terra é uma espécie de prévia, dadas as devidas proporções, do que é o verdadeiro amor que experimentaremos na eternidade.

    “Poucas coisas há mais belas na vida do que ver esta paixão profunda do homem pela mulher, que gerou filhos como mútua encarnação do seu amor, transfigurar-se naquela mais profunda «paixão sem paixão e violenta tranquilidade» que é Deus.”

    Se a paixão humana gera tão belos frutos e nos enchem de tão verdadeira felicidade, que são os filhos que geramos aqui na terra, quanto mais a paixão — que não é paixão, mas puro amor e paz — que vem de Deus, gerará frutos extraordinários em nossas almas quando O contemplarmos no céu por toda a eternidade.

    Sobre a fé e a Igreja

    “Você diz que não vai à igreja porque está cheio de hipócritas lá? Eu digo que você está certo, mas venha mesmo assim, temos espaço para mais um.”

    O venerável Fulton Sheen apenas nos relembra o que o próprio Cristo nos ensinou: “Ouvindo-os, Jesus replicou: ‘Os sãos não precisam de médico, mas os enfermos; não vim chamar os jus­tos, mas os pecadores.’” 2 A Igreja, de fato, é um lugar para os pecadores, pois aqueles que estão sãos não precisam ir ao hospital e muito menos serem atendidos por um médico. É muito melhor ser um pecador consciente de seu pecado, que busca na Igreja a sua santificação, do que conformar-se com o pecado e se distanciar do único caminho que pode verdadeiramente nos curar e transformar.

    “Aqueles que pensam que a Igreja se ocupa demasiado com Maria devem refletir no fato do Próprio Cristo ter dado dez vezes mais da Sua vida à Sua Mãe do que deu aos seus apóstolos.”

    Nosso Senhor Jesus passou cerca de 3 anos dedicando-se aos seus discípulos e ao seu povo, mas passou 30 anos dedicando-se a amar a sua família, criando laços de amor com a sua Mãe, cuja profundidade ninguém no mundo pode compreender. Se gastamos horas e muito dinheiro indo visitar a Terra Santa — um lugar maravilhoso, de fato — por que não visitamos a Mãe de Jesus, cujo ventre santo O carregou? Para irmos à Santíssima Virgem Maria não precisamos de dinheiro e nem de horas de viagem, basta que peçamos Sua intercessão com toda fé e amor.

    A oração do rosário é uma das mais populares formas de devoção à Virgem Maria. Conheça o que são os mistérios do terço e a importância deles na nossa vida espiritual.

    “Se você quiser encontrar Cristo hoje, então procure a Igreja que não se dá bem com o mundo. Procure a Igreja que é odiada pelo mundo, como Cristo foi odiado pelo mundo. Procure a Igreja que é acusada de estar atrasada, como Nosso Senhor foi acusado de ser ignorante e de nunca ter aprendido.”

    A Igreja é o Corpo de Cristo. E assim como Ele foi perseguido, caluniado, maltratado e acusado injustamente, a Igreja também foi e sempre será, pois cabe à ela defender e sustentar o Evangelho e a Tradição dos apóstolos que vem de Cristo. No entanto, não podemos temer fazer parte desta Igreja e propagar a Verdade que ela carrega. Lembremos sempre da grande promessa feita pelo próprio Cristo:

    “E eu te declaro: tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja; as portas do inferno não prevalecerão contra ela.” 3

    Referências

    1. CIC. 27[]
    2. São Marcos 2, 17[]
    3. São Mateus 16, 18[]

    Redação MBC

    Assine nossa newsletter com conteúdos exclusivos

      Ao clicar em quero assinar você declara aceita receber conteúdos em seu email e concorda com a nossa política de privacidade.