Devoção

Oração a São Miguel Arcanjo

Reze esta poderosa oração a São Miguel Arcanjo, presente em devocionários tradicionais da Igreja Católica.

Oração a São Miguel Arcanjo
Devoção

Oração a São Miguel Arcanjo

Reze esta poderosa oração a São Miguel Arcanjo, presente em devocionários tradicionais da Igreja Católica.

Data da Publicação: 19/04/2023
Tempo de leitura:
Autor: Redação MBC
Data da Publicação: 19/04/2023
Tempo de leitura:
Autor: Redação MBC

A oração a São Miguel Arcanjo tem sido frequente entre os católicos.

Quem é São Miguel Arcanjo?

Na tradição católica, São Miguel é considerado o Príncipe dos Anjos e é conhecido por lutar contra as forças do mal, defendendo constantemente a fé e a Igreja. Seu nome, “Miguel”, significa “Quem é como Deus?” — refletindo a sua posição como defensor da fé e combatente contra o mal.

Confira o artigo Arcanjos Miguel, Gabriel e Rafael para saber mais sobre a sua história e a devoção aos arcanjos.

Oração a São Miguel Arcanjo

Ó glorioso príncipe da milícia celeste, São Miguel
Arcanjo, defendei-nos no combate e na terrível luta
contra os principados e as potestades, contra os
dominadores deste mundo de trevas, contra os espíritos
malignos espalhados pelos ares! Vinde em
auxílio dos homens os quais Deus criou imortais,
feitos a sua imagem e semelhança, e resgatou por
grande preço da tirania do demônio.

Combatei neste dia, com o exército dos santos
anjos, a batalha do Senhor como noutro tempo
combateste contra Lúcifer, chefe dos orgulhosos,
e contra os anjos apóstatas que foram impotentes
em resistir-te e para quem nunca mais haverá lugar
no Céu.

Sim, esse grande dragão, essa antiga serpente que
se chama demônio e Satanás, que seduz o mundo
inteiro, foi precipitado com os seus anjos ao fundo
do abismo. Mas é aqui que esse antigo inimigo,
este antigo homicida levantou ferozmente a cabeça.
Disfarçado de anjo de luz e seguido por toda a multidão
de espíritos malignos, invade o mundo inteiro
para apoderar-se dele e desterrar o nome de Deus
e do seu Cristo, para afundar, matar e entregar à
perdição eterna às almas destinadas à coroa de glória
eterna. Sobre os homens de espírito perverso e
de coração corrupto, este dragão malvado derrama
também, como uma torrente de lama impura, o veneno
de sua malícia infernal, o espírito de mentira,
de impiedade, de blasfémia e o sopro envenenado
da imundice, dos vícios e de todas as abominações.

Os inimigos cheios de astúcia têm acumulado de
opróbrios e amarguras a Igreja, esposa do Cordeiro
imaculado, e lhe dado a beber absinto; sobre seus
bens mais sagrados impõem suas mãos criminosas
para a realização de todos os seus ímpios desígnios.
Lá, no lugar sagrado onde está instituída
a sede de São Pedro e a Cátedra da Verdade para
iluminar os povos, foi instalado o trono da abominação
de sua impiedade, com o desígnio iníquo de
ferir o Pastor e dispersar as ovelhas.

Nós te suplicamos, ó príncipe invencível, ajude
o povo de Deus e concede-lhe a vitória contra os
ataques destes espíritos dos réprobos. Este povo
te venera como seu protetor e padroeiro, e a Igreja
se gloria de tê-lo como defensor contra os poderes
malignos do Inferno. A ti Deus confiou a missão de
conduzir as almas para a felicidade celeste. Roga,
portanto, ao Deus da paz que submeta Satanás aos
nossos pés, tão derrotado e subjugado, que nunca
mais possa impor a escravidão aos homens, nem
prejudicar a Igreja! Apresenta as nossas orações à
vista do Todo-Poderoso para que as misericórdias
do Senhor nos alcancem o quanto antes. Submeta o
dragão, a antiga serpente, que é o Diabo e Satanás,
e o precipite acorrentado no abismo para que não
mais possa seduzir as nações. Amém.

Desde já confiados à vossa assistência e proteção,
com a sagrada autoridade da santa mãe Igreja, e
em nome de Jesus Cristo, Deus e Senhor nosso,
empreendemos com fé e segurança repelir aos ataques
da astúcia diabólica.

℣. Eis a Cruz do Senhor, fujam potências inimigas.
℟. Venceu o Leão da tribo de Judá, a estirpe de Davi.

℣. Que as Tuas misericórdias, ó Senhor, se realizem sobre nós.
℟. Assim como esperamos em Vós.

℣. Senhor, escutai a minha oração.
℟. E que o meu clamor chegue até Ti.

Oremos: Ó Deus, Pai de Nosso Senhor Jesus Cristo,
nós invocamos Vosso Santo Nome e imploramos
insistentemente a Vossa clemência para que,
pela intercessão da Imaculada sempre Virgem Maria,
nossa Mãe, e do glorioso São Miguel Arcanjo,
de São José, esposo da mesma Santíssima Virgem,
dos Santos Apóstolos Pedro e Paulo e de todos os
santos, dignai-vos proteger contra Satanás e contra
todos os espíritos malignos que vagueiam pela Terra
para destruir a humanidade e para a perdição
das almas. Amém.

Esta e muitas outras orações estão presentes no nosso Devocionário a São José.

Assine nossa newsletter com conteúdos exclusivos

    Ao clicar em quero assinar você declara aceita receber conteúdos em seu email e concorda com a nossa política de privacidade.

    Redação MBC

    O que você vai encontrar neste artigo?

    A oração a São Miguel Arcanjo tem sido frequente entre os católicos.

    Quem é São Miguel Arcanjo?

    Na tradição católica, São Miguel é considerado o Príncipe dos Anjos e é conhecido por lutar contra as forças do mal, defendendo constantemente a fé e a Igreja. Seu nome, “Miguel”, significa “Quem é como Deus?” — refletindo a sua posição como defensor da fé e combatente contra o mal.

    Confira o artigo Arcanjos Miguel, Gabriel e Rafael para saber mais sobre a sua história e a devoção aos arcanjos.

    Oração a São Miguel Arcanjo

    Ó glorioso príncipe da milícia celeste, São Miguel
    Arcanjo, defendei-nos no combate e na terrível luta
    contra os principados e as potestades, contra os
    dominadores deste mundo de trevas, contra os espíritos
    malignos espalhados pelos ares! Vinde em
    auxílio dos homens os quais Deus criou imortais,
    feitos a sua imagem e semelhança, e resgatou por
    grande preço da tirania do demônio.

    Combatei neste dia, com o exército dos santos
    anjos, a batalha do Senhor como noutro tempo
    combateste contra Lúcifer, chefe dos orgulhosos,
    e contra os anjos apóstatas que foram impotentes
    em resistir-te e para quem nunca mais haverá lugar
    no Céu.

    Sim, esse grande dragão, essa antiga serpente que
    se chama demônio e Satanás, que seduz o mundo
    inteiro, foi precipitado com os seus anjos ao fundo
    do abismo. Mas é aqui que esse antigo inimigo,
    este antigo homicida levantou ferozmente a cabeça.
    Disfarçado de anjo de luz e seguido por toda a multidão
    de espíritos malignos, invade o mundo inteiro
    para apoderar-se dele e desterrar o nome de Deus
    e do seu Cristo, para afundar, matar e entregar à
    perdição eterna às almas destinadas à coroa de glória
    eterna. Sobre os homens de espírito perverso e
    de coração corrupto, este dragão malvado derrama
    também, como uma torrente de lama impura, o veneno
    de sua malícia infernal, o espírito de mentira,
    de impiedade, de blasfémia e o sopro envenenado
    da imundice, dos vícios e de todas as abominações.

    Os inimigos cheios de astúcia têm acumulado de
    opróbrios e amarguras a Igreja, esposa do Cordeiro
    imaculado, e lhe dado a beber absinto; sobre seus
    bens mais sagrados impõem suas mãos criminosas
    para a realização de todos os seus ímpios desígnios.
    Lá, no lugar sagrado onde está instituída
    a sede de São Pedro e a Cátedra da Verdade para
    iluminar os povos, foi instalado o trono da abominação
    de sua impiedade, com o desígnio iníquo de
    ferir o Pastor e dispersar as ovelhas.

    Nós te suplicamos, ó príncipe invencível, ajude
    o povo de Deus e concede-lhe a vitória contra os
    ataques destes espíritos dos réprobos. Este povo
    te venera como seu protetor e padroeiro, e a Igreja
    se gloria de tê-lo como defensor contra os poderes
    malignos do Inferno. A ti Deus confiou a missão de
    conduzir as almas para a felicidade celeste. Roga,
    portanto, ao Deus da paz que submeta Satanás aos
    nossos pés, tão derrotado e subjugado, que nunca
    mais possa impor a escravidão aos homens, nem
    prejudicar a Igreja! Apresenta as nossas orações à
    vista do Todo-Poderoso para que as misericórdias
    do Senhor nos alcancem o quanto antes. Submeta o
    dragão, a antiga serpente, que é o Diabo e Satanás,
    e o precipite acorrentado no abismo para que não
    mais possa seduzir as nações. Amém.

    Desde já confiados à vossa assistência e proteção,
    com a sagrada autoridade da santa mãe Igreja, e
    em nome de Jesus Cristo, Deus e Senhor nosso,
    empreendemos com fé e segurança repelir aos ataques
    da astúcia diabólica.

    ℣. Eis a Cruz do Senhor, fujam potências inimigas.
    ℟. Venceu o Leão da tribo de Judá, a estirpe de Davi.

    ℣. Que as Tuas misericórdias, ó Senhor, se realizem sobre nós.
    ℟. Assim como esperamos em Vós.

    ℣. Senhor, escutai a minha oração.
    ℟. E que o meu clamor chegue até Ti.

    Oremos: Ó Deus, Pai de Nosso Senhor Jesus Cristo,
    nós invocamos Vosso Santo Nome e imploramos
    insistentemente a Vossa clemência para que,
    pela intercessão da Imaculada sempre Virgem Maria,
    nossa Mãe, e do glorioso São Miguel Arcanjo,
    de São José, esposo da mesma Santíssima Virgem,
    dos Santos Apóstolos Pedro e Paulo e de todos os
    santos, dignai-vos proteger contra Satanás e contra
    todos os espíritos malignos que vagueiam pela Terra
    para destruir a humanidade e para a perdição
    das almas. Amém.

    Esta e muitas outras orações estão presentes no nosso Devocionário a São José.

    Redação MBC

    Assine nossa newsletter com conteúdos exclusivos

      Ao clicar em quero assinar você declara aceita receber conteúdos em seu email e concorda com a nossa política de privacidade.