Destaque, Formação, Institucional

Scott Hahn: de pastor protestante a teólogo católico

Conheça a história de Scott Hahn, um dos maiores autores e teólogos da atualidade, que se converteu do protestantismo ao catolicismo.

Scott Hahn: de pastor protestante a teólogo católico
Destaque, Formação, Institucional

Scott Hahn: de pastor protestante a teólogo católico

Conheça a história de Scott Hahn, um dos maiores autores e teólogos da atualidade, que se converteu do protestantismo ao catolicismo.

Data da Publicação: 13/03/2024
Tempo de leitura:
Autor: Redação Minha Biblioteca Católica
Data da Publicação: 13/03/2024
Tempo de leitura:
Autor: Redação Minha Biblioteca Católica

Neste artigo você vai descobrir os detalhes da história de Scott Hahn, um grande teólogo e autor católico. Sua trajetória não teria nada de extraordinário, se não contássemos o fato de que ele era um pastor protestante anti-católico. Nesta leitura, confira como essa conversão aconteceu.

Quem é Scott Hahn?

Scott Hahn nasceu em 1957, nos Estados Unidos. Seu diploma é de bacharel em Artes com especialização tripla em Teologia, Filosofia e Economia, seu mestrado em Divindade e seu Ph.D. em Teologia Bíblica.

O pós-doutor é casado com Kimberly desde 1979, com quem teve 6 filhos (um ordenado como sacerdote católico recentemente) e já tem 18 netos. É conhecido hoje como um autor best-seller de dezenas de livros católicos, mas não foi assim que sua trajetória de fé começou.

A trajetória antes de chegar ao catolicismo

Antes de se converter ao catolicismo, foram dez anos de experiência em ministério pastoral e juvenil em congregações protestantes, além de ter sido professor no Seminário Teológico de Chesapeake. Ele foi ordenado como pastor presbiteriano em 1982 em Fairfax, no estado da Virgínia.

O mais curioso não é que sua trajetória tenha sido na igreja protestante, mas que ele fosse um inimigo do catolicismo. Em suas pregações como pastor, ele era um verdadeiro anti-católico, que defendia que a fé católica não sabia interpretar e viver os ensinamentos da Bíblia.

Entenda a diferença entre as Bíblias católica e evangélica.

A conversão de Scott Hahn

Scott Hahn e sua esposa eram marcados por diversos preconceitos em relação à Igreja Católica. Ele chegou a crer que o Papa era o Anticristo. A doutrina do Sola Fide (somente pela fé) e Sola Scriptura (somente pela Escritura), vivida pelos protestantes, fazia com que eles ignorassem totalmente a Tradição Católica.

Mas o ponto chave para a sua conversão foi a Sagrada Eucaristia:

“Comecei imediatamente a pôr em causa o que os meus professores me tinham ensinado – e o que eu próprio andava a pregar à minha congregação – acerca da Eucaristia como um mero símbolo, um símbolo profundo, certamente, mas apenas um símbolo.” 1

Scott questionou-se profundamente sobre a presença de Jesus Cristo na hóstia consagrada e, depois de anos de estudo e experiências como espectador da Santa Missa, tomou a decisão de converter-se ao catolicismo.

“Depois de muita oração e de muito estudo, acabei por reconhecer que Jesus não podia estar a falar simbolicamente quando nos convidou a comer a Sua carne e a beber o Seu sangue.”1

Na Páscoa de 1986, Scott Hahn foi batizado, mesmo sem o apoio de seus amigos e familiares. Nem mesmo sua esposa o apoiava, e a conversão de Kimberly ocorreu alguns anos mais tarde, em 1990. Hoje, porém, o casal e seus filhos são uma família que vive um exemplo de piedade católica. Um de seus filhos foi ordenado sacerdote em 2021.

O exemplo de Scott Hahn

Ao longo de todos esses anos como fiel católico, Scott tem ajudado centenas de protestantes e católicos afastados da fé a retornar à Verdade. Ele é um pregador bastante conhecido nos Estados Unidos, mas sua fama já se espalha mundialmente, especialmente por conta de seus livros publicados. 

Os mais conhecidos já são traduzidos para o português, como Todos os caminhos levam à Roma, O banquete do Cordeiro, Trabalho ordinário, graça extraordinária e O quarto cálice.

Seu legado traz grandes frutos nas várias frentes em que ele atua, seja como teólogo, professor ou autor. Todo católico tem muito a aprender com seu testemunho e ensinamentos.

Scott Hahn no Brasil em 2024

A boa notícia para os brasileiros é que Scott Hahn estará no Brasil em 2024. Pela primeira vez, ele vai ministrar aulas e pregações em nosso país, na cidade de São Paulo. Sua presença acontecerá no evento Conferência Sobre a Rocha de Pedro, entre os dias 16 e 19 de maio de 2024.

O evento é promovido pelo Centro de Estudos sobre a Rocha de Pedro e tem o apoio da Minha Biblioteca Católica, Lumine Tv e Fé Explicada. Serão dois momentos: uma conferência formativa e um cenáculo voltado para a oração. Os participantes podem adquirir ingressos para somente um ou os dois momentos.

Vale lembrar que as vagas são limitadas e o valor dos ingressos aumenta a cada novo lote. Clique aqui para garantir sua vaga.

Referências

  1. Trecho do livro “Todos os Caminhos levam à Roma[][]

Assine nossa newsletter com conteúdos exclusivos

    Ao clicar em quero assinar você declara aceita receber conteúdos em seu email e concorda com a nossa política de privacidade.

    Redação Minha Biblioteca Católica

    O maior clube de leitores católicos do Brasil.

    Neste artigo você vai descobrir os detalhes da história de Scott Hahn, um grande teólogo e autor católico. Sua trajetória não teria nada de extraordinário, se não contássemos o fato de que ele era um pastor protestante anti-católico. Nesta leitura, confira como essa conversão aconteceu.

    Quem é Scott Hahn?

    Scott Hahn nasceu em 1957, nos Estados Unidos. Seu diploma é de bacharel em Artes com especialização tripla em Teologia, Filosofia e Economia, seu mestrado em Divindade e seu Ph.D. em Teologia Bíblica.

    O pós-doutor é casado com Kimberly desde 1979, com quem teve 6 filhos (um ordenado como sacerdote católico recentemente) e já tem 18 netos. É conhecido hoje como um autor best-seller de dezenas de livros católicos, mas não foi assim que sua trajetória de fé começou.

    A trajetória antes de chegar ao catolicismo

    Antes de se converter ao catolicismo, foram dez anos de experiência em ministério pastoral e juvenil em congregações protestantes, além de ter sido professor no Seminário Teológico de Chesapeake. Ele foi ordenado como pastor presbiteriano em 1982 em Fairfax, no estado da Virgínia.

    O mais curioso não é que sua trajetória tenha sido na igreja protestante, mas que ele fosse um inimigo do catolicismo. Em suas pregações como pastor, ele era um verdadeiro anti-católico, que defendia que a fé católica não sabia interpretar e viver os ensinamentos da Bíblia.

    Entenda a diferença entre as Bíblias católica e evangélica.

    A conversão de Scott Hahn

    Scott Hahn e sua esposa eram marcados por diversos preconceitos em relação à Igreja Católica. Ele chegou a crer que o Papa era o Anticristo. A doutrina do Sola Fide (somente pela fé) e Sola Scriptura (somente pela Escritura), vivida pelos protestantes, fazia com que eles ignorassem totalmente a Tradição Católica.

    Mas o ponto chave para a sua conversão foi a Sagrada Eucaristia:

    “Comecei imediatamente a pôr em causa o que os meus professores me tinham ensinado – e o que eu próprio andava a pregar à minha congregação – acerca da Eucaristia como um mero símbolo, um símbolo profundo, certamente, mas apenas um símbolo.” 1

    Scott questionou-se profundamente sobre a presença de Jesus Cristo na hóstia consagrada e, depois de anos de estudo e experiências como espectador da Santa Missa, tomou a decisão de converter-se ao catolicismo.

    “Depois de muita oração e de muito estudo, acabei por reconhecer que Jesus não podia estar a falar simbolicamente quando nos convidou a comer a Sua carne e a beber o Seu sangue.”1

    Na Páscoa de 1986, Scott Hahn foi batizado, mesmo sem o apoio de seus amigos e familiares. Nem mesmo sua esposa o apoiava, e a conversão de Kimberly ocorreu alguns anos mais tarde, em 1990. Hoje, porém, o casal e seus filhos são uma família que vive um exemplo de piedade católica. Um de seus filhos foi ordenado sacerdote em 2021.

    O exemplo de Scott Hahn

    Ao longo de todos esses anos como fiel católico, Scott tem ajudado centenas de protestantes e católicos afastados da fé a retornar à Verdade. Ele é um pregador bastante conhecido nos Estados Unidos, mas sua fama já se espalha mundialmente, especialmente por conta de seus livros publicados. 

    Os mais conhecidos já são traduzidos para o português, como Todos os caminhos levam à Roma, O banquete do Cordeiro, Trabalho ordinário, graça extraordinária e O quarto cálice.

    Seu legado traz grandes frutos nas várias frentes em que ele atua, seja como teólogo, professor ou autor. Todo católico tem muito a aprender com seu testemunho e ensinamentos.

    Scott Hahn no Brasil em 2024

    A boa notícia para os brasileiros é que Scott Hahn estará no Brasil em 2024. Pela primeira vez, ele vai ministrar aulas e pregações em nosso país, na cidade de São Paulo. Sua presença acontecerá no evento Conferência Sobre a Rocha de Pedro, entre os dias 16 e 19 de maio de 2024.

    O evento é promovido pelo Centro de Estudos sobre a Rocha de Pedro e tem o apoio da Minha Biblioteca Católica, Lumine Tv e Fé Explicada. Serão dois momentos: uma conferência formativa e um cenáculo voltado para a oração. Os participantes podem adquirir ingressos para somente um ou os dois momentos.

    Vale lembrar que as vagas são limitadas e o valor dos ingressos aumenta a cada novo lote. Clique aqui para garantir sua vaga.

    Referências

    1. Trecho do livro “Todos os Caminhos levam à Roma[][]

    Redação Minha Biblioteca Católica

    O maior clube de leitores católicos do Brasil.

    Assine nossa newsletter com conteúdos exclusivos

      Ao clicar em quero assinar você declara aceita receber conteúdos em seu email e concorda com a nossa política de privacidade.