Formação

Como viver bem o Advento em 5 dicas práticas

Saiba como viver o advento, conhecendo o que a Igreja ensina e as práticas recomendadas. Confira neste artigo!

Como viver bem o Advento em 5 dicas práticas
Formação

Como viver bem o Advento em 5 dicas práticas

Saiba como viver o advento, conhecendo o que a Igreja ensina e as práticas recomendadas. Confira neste artigo!

Data da Publicação: 30/11/2023
Tempo de leitura:
Autor: Redação MBC
Data da Publicação: 30/11/2023
Tempo de leitura:
Autor: Redação MBC

Chegamos ao fim de mais um ano civil e ao início de mais um ano litúrgico. Sem dúvidas que se trata de um dos tempos mais especiais da Igreja. Um tempo cuja função é nos encher de esperança na vinda de Nosso Senhor. É um momento riquíssimo espiritualmente, e quanto mais nos dedicarmos, mais frutos colheremos. É hora de saber como viver bem o Advento.

Vamos apresentar aqui 5 formas de como viver bem o Advento. Serão dicas práticas e simples, aplicáveis à nossa vida corrida. Ao final, rezamos para que cada coração esteja palpitando de amor pela Igreja, por esse tempo litúrgico e, principalmente, por Jesus.

O que é o Advento?

A palavra Advento significa “chegada” ou “o que está por vir”. Portanto, é um tempo que pode ser resumido no verbo “vir”. Isso porque, no tempo do Advento, lembramos:

  1. Que Jesus VEIO, ao se encarnar no seio da Virgem Maria;
  2. Que Jesus VEM, nos Sacramentos, dos quais a Santa Igreja é guardiã e
  3. Que Jesus VIRÁ, em sua segunda vinda gloriosa, para julgar os vivos e os mortos e inaugurar novo Céu e nova Terra. 

Que coisa extraordinária! Ao mesmo tempo que nos enchemos de alegria pela memória do Nascimento de Jesus, permanecemos vigilantes porque o Cristo voltará em sua glória. Dessa forma, nós, católicos, devemos viver esse tempo de recolhimento nos baseando em uma palavra maravilhosa: a Esperança. 

O tempo do Advento ainda é o primeiro tempo litúrgico, que se segue à Solenidade de Cristo Rei. Marca o Ano Novo católico! 

Leia mais em: Calendários litúrgico e civil: por que são diferentes?

Como viver bem o advento?

presépio vinda de jesus advento

Vigiai e orai. Um dos exercícios simples que podemos fazer durante esse tempo é meditar sobre a época que antecedeu o Nascimento de Cristo. Imaginar cada detalhe de sua época. Alguns temas: 

  1. O sentimento que estava no coração da Virgem Santíssima que carregava o Salvador no ventre; 
  2. A alegria dos pastores ao verem o menino que tinha nascido na Manjedoura;
  3. A alegria dos anjos do céu que viam o plano de amor de Deus se concretizando;
  4. A expectativa que pairava no povo judeu, que aguardava o Messias e 
  5. As inúmeras passagens em que Jesus aborda a volta do Filho do Homem. 

É, portanto, tempo de recolhimento e intensificação da oração. É fundamental para a vida de qualquer católico viver bem, junto de toda a Igreja, esse tempo litúrgico. Tantas são as coisas que podemos fazer para manter o espírito vigilante enquanto nos unimos à Igreja nesse momento! Não é necessário fazer tudo, mas adequar o máximo à nossa rotina. 

5 dicas práticas de como viver bem o advento

velas do advento coroa do advento viver bem o advento

Sabemos que a rotina por vezes nos esgota e nos dificulta a fazer tudo o que queríamos (e isso não só na vida espiritual!). Mas separamos 5 dicas práticas de como viver bem o advento que são passíveis de serem encaixadas de acordo com a disponibilidade de cada um. 

(Além é claro da Novena de Natal, já começou?)

1. Monte e reze com o Presépio

Talvez a mais emblemática tradição do tempo do Advento seja o Presépio. Ela remonta o tempo de São Francisco de Assis e é seguramente uma das mais práticas formas de como viver bem o Advento. Afinal, ao montar um simples presépio, podemos nos transportar para aquela noite que parecia como todas as outras. Ao parar um momento para ver a cena, cada imagem gera uma meditação: os pastores, a Virgem, o anjo com o cântico “Gloria in excelcis Deo”, o Menino Jesus na manjedoura…

2. Faça uma leitura orante das profecias do livro de Isaías 

No livro do Profeta Isaías, podemos encontrar diversas passagens com profecias messiânicas, que nos ajudam a ver que tudo já estava previsto. Então separamos algumas para servir de base para uma leitura orante: 

“A virgem ficará grávida e dará à luz a um filho, e lhe porá o nome de Emanuel” (Is 7,14);

“O seu domínio será grande e a paz não terá fim” (Is 9,6);

“Porei em Sião uma pedra como fundamento, pedra testada, pedra angular, preciosa, bem colocada; quem nela se apoiar, não será abalado” (Is 28,16).

3. Estude e pratique a virtude da Esperança

Nada mais relevante do que praticar a virtude que resume todo o tempo do Advento. Nossa Esperança está toda em Deus e isso é praticado em cada momento da nossa vida cotidiana. Se em cada pequena oportunidade nos lembrarmos disso, poderemos inclusive extrapolar esse hábito para todo o ano, não o limitando ao período que antecede o Natal. 

4. Leia livros propícios para o advento

Várias leituras são de grande proveito, uma vez que são direcionadas a algum dos aspectos que circundam esse tempo litúrgico. Então, deixamos uma listinha que, com certeza, vai nos ajudar a viver bem o Advento: 

  • Meditações de Santo Afonso para o Advento 
  • Meditações de Santo Tomás de Aquino para o Advento e Natal
  • Jesus de Nazaré, Papa Bento XVI
  • A Vida da Virgem, São Máximo Confessor 

5. Busque os sacramentos com maior intensidade

Os tesouros que Nosso Senhor nos deixou foram os Sacramentos. É Por meio deles que obtemos a graça santificante e a participação neles é o caminho pavimentado para o nosso crescimento. Portanto, aumentar nossa frequência é fundamental. Busquemos ir mais vezes à Santa Missa. Busquemos nos confessar ao menos uma vez durante esse tempo. Se nós queremos ser santos e cultivar a virtude da Esperança, nada mais propício do que buscar os sinais visíveis da graça divina.  

Veja também: Advento: o que todo católico deve saber

Assine nossa newsletter com conteúdos exclusivos

    Ao clicar em quero assinar você declara aceita receber conteúdos em seu email e concorda com a nossa política de privacidade.

    Redação MBC

    Redação MBC

    O maior clube de leitores católicos do Brasil.

    Garanta seu box

    Chegamos ao fim de mais um ano civil e ao início de mais um ano litúrgico. Sem dúvidas que se trata de um dos tempos mais especiais da Igreja. Um tempo cuja função é nos encher de esperança na vinda de Nosso Senhor. É um momento riquíssimo espiritualmente, e quanto mais nos dedicarmos, mais frutos colheremos. É hora de saber como viver bem o Advento.

    Vamos apresentar aqui 5 formas de como viver bem o Advento. Serão dicas práticas e simples, aplicáveis à nossa vida corrida. Ao final, rezamos para que cada coração esteja palpitando de amor pela Igreja, por esse tempo litúrgico e, principalmente, por Jesus.

    O que é o Advento?

    A palavra Advento significa “chegada” ou “o que está por vir”. Portanto, é um tempo que pode ser resumido no verbo “vir”. Isso porque, no tempo do Advento, lembramos:

    1. Que Jesus VEIO, ao se encarnar no seio da Virgem Maria;
    2. Que Jesus VEM, nos Sacramentos, dos quais a Santa Igreja é guardiã e
    3. Que Jesus VIRÁ, em sua segunda vinda gloriosa, para julgar os vivos e os mortos e inaugurar novo Céu e nova Terra. 

    Que coisa extraordinária! Ao mesmo tempo que nos enchemos de alegria pela memória do Nascimento de Jesus, permanecemos vigilantes porque o Cristo voltará em sua glória. Dessa forma, nós, católicos, devemos viver esse tempo de recolhimento nos baseando em uma palavra maravilhosa: a Esperança. 

    O tempo do Advento ainda é o primeiro tempo litúrgico, que se segue à Solenidade de Cristo Rei. Marca o Ano Novo católico! 

    Leia mais em: Calendários litúrgico e civil: por que são diferentes?

    Como viver bem o advento?

    presépio vinda de jesus advento

    Vigiai e orai. Um dos exercícios simples que podemos fazer durante esse tempo é meditar sobre a época que antecedeu o Nascimento de Cristo. Imaginar cada detalhe de sua época. Alguns temas: 

    1. O sentimento que estava no coração da Virgem Santíssima que carregava o Salvador no ventre; 
    2. A alegria dos pastores ao verem o menino que tinha nascido na Manjedoura;
    3. A alegria dos anjos do céu que viam o plano de amor de Deus se concretizando;
    4. A expectativa que pairava no povo judeu, que aguardava o Messias e 
    5. As inúmeras passagens em que Jesus aborda a volta do Filho do Homem. 

    É, portanto, tempo de recolhimento e intensificação da oração. É fundamental para a vida de qualquer católico viver bem, junto de toda a Igreja, esse tempo litúrgico. Tantas são as coisas que podemos fazer para manter o espírito vigilante enquanto nos unimos à Igreja nesse momento! Não é necessário fazer tudo, mas adequar o máximo à nossa rotina. 

    5 dicas práticas de como viver bem o advento

    velas do advento coroa do advento viver bem o advento

    Sabemos que a rotina por vezes nos esgota e nos dificulta a fazer tudo o que queríamos (e isso não só na vida espiritual!). Mas separamos 5 dicas práticas de como viver bem o advento que são passíveis de serem encaixadas de acordo com a disponibilidade de cada um. 

    (Além é claro da Novena de Natal, já começou?)

    1. Monte e reze com o Presépio

    Talvez a mais emblemática tradição do tempo do Advento seja o Presépio. Ela remonta o tempo de São Francisco de Assis e é seguramente uma das mais práticas formas de como viver bem o Advento. Afinal, ao montar um simples presépio, podemos nos transportar para aquela noite que parecia como todas as outras. Ao parar um momento para ver a cena, cada imagem gera uma meditação: os pastores, a Virgem, o anjo com o cântico “Gloria in excelcis Deo”, o Menino Jesus na manjedoura…

    2. Faça uma leitura orante das profecias do livro de Isaías 

    No livro do Profeta Isaías, podemos encontrar diversas passagens com profecias messiânicas, que nos ajudam a ver que tudo já estava previsto. Então separamos algumas para servir de base para uma leitura orante: 

    “A virgem ficará grávida e dará à luz a um filho, e lhe porá o nome de Emanuel” (Is 7,14);

    “O seu domínio será grande e a paz não terá fim” (Is 9,6);

    “Porei em Sião uma pedra como fundamento, pedra testada, pedra angular, preciosa, bem colocada; quem nela se apoiar, não será abalado” (Is 28,16).

    3. Estude e pratique a virtude da Esperança

    Nada mais relevante do que praticar a virtude que resume todo o tempo do Advento. Nossa Esperança está toda em Deus e isso é praticado em cada momento da nossa vida cotidiana. Se em cada pequena oportunidade nos lembrarmos disso, poderemos inclusive extrapolar esse hábito para todo o ano, não o limitando ao período que antecede o Natal. 

    4. Leia livros propícios para o advento

    Várias leituras são de grande proveito, uma vez que são direcionadas a algum dos aspectos que circundam esse tempo litúrgico. Então, deixamos uma listinha que, com certeza, vai nos ajudar a viver bem o Advento: 

    • Meditações de Santo Afonso para o Advento 
    • Meditações de Santo Tomás de Aquino para o Advento e Natal
    • Jesus de Nazaré, Papa Bento XVI
    • A Vida da Virgem, São Máximo Confessor 

    5. Busque os sacramentos com maior intensidade

    Os tesouros que Nosso Senhor nos deixou foram os Sacramentos. É Por meio deles que obtemos a graça santificante e a participação neles é o caminho pavimentado para o nosso crescimento. Portanto, aumentar nossa frequência é fundamental. Busquemos ir mais vezes à Santa Missa. Busquemos nos confessar ao menos uma vez durante esse tempo. Se nós queremos ser santos e cultivar a virtude da Esperança, nada mais propício do que buscar os sinais visíveis da graça divina.  

    Veja também: Advento: o que todo católico deve saber

    Assine nossa newsletter com conteúdos exclusivos

      Ao clicar em quero assinar você declara aceita receber conteúdos em seu email e concorda com a nossa política de privacidade.