Formação

O rosto de Jesus

Como era o rosto de Jesus? Neste artigo, conheça os registros históricos dele, além de uma devoção belíssima à Sagrada Face.

O rosto de Jesus
Formação

O rosto de Jesus

Como era o rosto de Jesus? Neste artigo, conheça os registros históricos dele, além de uma devoção belíssima à Sagrada Face.

Data da Publicação: 27/02/2024
Tempo de leitura:
Autor: Redação Minha Biblioteca Católica
Data da Publicação: 27/02/2024
Tempo de leitura:
Autor: Redação Minha Biblioteca Católica

Um dia veremos Jesus face a face. E se o Senhor permitir, o rosto de Jesus estará coberto da mais pura alegria para nos receber de braços abertos. Até esse dia, seu Santo rosto fica representado por imagens, que tentam se aproximar do que seria a face de Nosso Senhor. Notamos que desde os primeiros séculos, a imagem de Jesus é feita de um olhar firme, cabelos longos e barba. Essa tradição é facilmente percebida em ícones encontrados nas igrejas primitivas. 

Mas não é só lá que encontramos testemunho desse rosto. Neste artigo, vamos apresentar o que temos de informação sobre esse assunto. O objetivo é dar mais profundidade à nossa meditação e cativar nosso coração a pensar o quão magnífico será o dia em que O veremos de verdade.

O rosto de Jesus nas Escrituras

O rosto de Jesus nas Escrituras é descrito de várias maneiras, refletindo aspectos importantes de sua natureza e missão. Vejam que, muitas vezes, temos a imaginação de seu olhar:

  • Momento em que Jesus olhou para Pedro após sua negação, um olhar que expressava tanto amor quanto tristeza pela fraqueza humana;
  • O episódio da Transfiguração, quando Seu rosto brilhou como o sol, revelando sua glória divina a Pedro, Tiago e João;
  • A passagem de Verônica também é significativa, quando ela enxugou o rosto de Jesus enquanto ele carregava a cruz, resultando em sua imagem impressa no pano. É importante entendermos que a formação de uma imagem dessa maneira é miraculosa. Vamos detalhar isso mais abaixo. 
o rosto de jesus no episódio da negação de pedro.

Essas imagens e símbolos ressaltam Jesus como totalmente humano e totalmente divino, oferecendo conforto, esperança e inspiração aos católicos de todos os séculos. E o mais interessante é que isso independe da representação física em si. O rosto de Jesus nas Escrituras é um convite para conhecermos sua pessoa e seu amor incondicional, e para refletirmos sobre nosso próprio relacionamento com Ele.

Relíquias do Rosto de Jesus

Santo Sudário

O Sudário de Turim é uma das relíquias mais conhecidas associadas ao rosto de Jesus Cristo. Supostamente, é a peça de linho que envolveu o corpo de Jesus após a crucificação e contém a imagem de seu rosto, com marcas de sangue e perfurações da coroa de espinhos. Atualmente, é mantido na Catedral de Turim, na Itália. Ao longo dos séculos, o Sudário tem sido objeto de estudo e debate, com alguns acreditando em sua autenticidade e outros questionando sua veracidade.

Temos um artigo completo sobre o assunto, conheça a história do Sudário de Turim.

O véu de Verônica

O Pano de Verônica é uma relíquia que, segundo a tradição, foi usado para enxugar o rosto de Jesus enquanto ele carregava a cruz até o Calvário, tal qual ainda relembramos durante a Via Sacra. Acredita-se que a imagem do rosto de Jesus tenha ficado impressa no pano. Apesar de muita polêmica que gira em torno de sua veracidade, a formação da imagem é miraculosa, uma vez que Jesus já estava totalmente ensanguentado. Esse sangue, ao ser limpo pelo pano, não formaria imagem e sim um borrão. Na Basílica de São Pedro, no Vaticano, durante a celebração do Quinto Domingo da Quaresma, o Pano de Verônica é exibido e venerado pelos fiéis.

imagem de verônica enxugando o rosto de Jesus.

Você sabe o que são relíquias de santos? Descubra neste artigo.

O rosto de Jesus segundo o Santo Sudário de Turim

A imagem mais verossímil que temos do rosto de Jesus é aquela encontrada no Sudário de Turim. Apesar de as evidências robustas do itinerário do Sudário serem encontradas a partir do século XIV, vários detalhes nos apontam para sua veneração muito antes disso. Um deles é a semelhança da face encontrada no Sudário com as representações mais antigas de Jesus. 

O primeiro ponto marcante na imagem são os inúmeros pequenos pontos perfurantes acima da testa, gerando vários pequenos afluentes de sangue, compatíveis com a coroação de espinhos. 

Após isso, nos concentramos nos olhos. Obviamente inferimos sua aparência pelo contorno ósseo deixado pelo contato do pano com o rosto de Jesus. São descritos como profundos e firmes, algo que daria um aspecto de, como dizem alguns anatomistas, “olhos de coruja”. Isso está de acordo com representações como o Pantocrator. 

Vemos tufos de cabelo e barba colados com sangue, dando o aspecto mais universal do rosto de Jesus: a barba e os cabelos longos. 

o rosto de jesus no santo sudário.
O rosto de Jesus e seu negativo no Santo Sudário.

O Santo Sudário é real? Saiba o que a ciência diz sobre a mortalha que teria envolvido o corpo de Nosso Senhor.

A devoção à Sagrada Face

Santa Teresinha com uma imagem do rosto de Jesus.

A devoção à Sagrada Face se centra na contemplação do rosto de Jesus Cristo e na adoração de sua imagem como um símbolo de sua Paixão, morte e ressurreição. Essa devoção enfatiza a ideia de que contemplar a face de Cristo é uma maneira de nos aproximarmos de Deus, afinal, contemplaremos o rosto divino do homem e o rosto humano de Deus. 

Santa Teresinha do Menino Jesus foi uma fervorosa devota da Sagrada Face. Ela teve uma profunda experiência espiritual ao contemplar uma imagem da face de Cristo durante um período de grave doença. Santa Teresinha acreditava que olhar para a Sagrada Face era uma forma de encontrar consolo em meio ao sofrimento e de se unir mais intimamente a Jesus. Ela escreveu sobre sua devoção à Sagrada Face em suas cartas e em sua autobiografia, destacando a importância dessa prática em sua vida espiritual e incentivando outros a adotá-la também.

É uma devoção belíssima, principalmente se pensarmos que é uma forma de nos prepararmos para um dia, em amizade com Deus, contemplar sua Verdadeira Face.

Assine nossa newsletter com conteúdos exclusivos

    Ao clicar em quero assinar você declara aceita receber conteúdos em seu email e concorda com a nossa política de privacidade.

    Redação Minha Biblioteca Católica

    O maior clube de leitores católicos do Brasil.

    Um dia veremos Jesus face a face. E se o Senhor permitir, o rosto de Jesus estará coberto da mais pura alegria para nos receber de braços abertos. Até esse dia, seu Santo rosto fica representado por imagens, que tentam se aproximar do que seria a face de Nosso Senhor. Notamos que desde os primeiros séculos, a imagem de Jesus é feita de um olhar firme, cabelos longos e barba. Essa tradição é facilmente percebida em ícones encontrados nas igrejas primitivas. 

    Mas não é só lá que encontramos testemunho desse rosto. Neste artigo, vamos apresentar o que temos de informação sobre esse assunto. O objetivo é dar mais profundidade à nossa meditação e cativar nosso coração a pensar o quão magnífico será o dia em que O veremos de verdade.

    O rosto de Jesus nas Escrituras

    O rosto de Jesus nas Escrituras é descrito de várias maneiras, refletindo aspectos importantes de sua natureza e missão. Vejam que, muitas vezes, temos a imaginação de seu olhar:

    • Momento em que Jesus olhou para Pedro após sua negação, um olhar que expressava tanto amor quanto tristeza pela fraqueza humana;
    • O episódio da Transfiguração, quando Seu rosto brilhou como o sol, revelando sua glória divina a Pedro, Tiago e João;
    • A passagem de Verônica também é significativa, quando ela enxugou o rosto de Jesus enquanto ele carregava a cruz, resultando em sua imagem impressa no pano. É importante entendermos que a formação de uma imagem dessa maneira é miraculosa. Vamos detalhar isso mais abaixo. 
    o rosto de jesus no episódio da negação de pedro.

    Essas imagens e símbolos ressaltam Jesus como totalmente humano e totalmente divino, oferecendo conforto, esperança e inspiração aos católicos de todos os séculos. E o mais interessante é que isso independe da representação física em si. O rosto de Jesus nas Escrituras é um convite para conhecermos sua pessoa e seu amor incondicional, e para refletirmos sobre nosso próprio relacionamento com Ele.

    Relíquias do Rosto de Jesus

    Santo Sudário

    O Sudário de Turim é uma das relíquias mais conhecidas associadas ao rosto de Jesus Cristo. Supostamente, é a peça de linho que envolveu o corpo de Jesus após a crucificação e contém a imagem de seu rosto, com marcas de sangue e perfurações da coroa de espinhos. Atualmente, é mantido na Catedral de Turim, na Itália. Ao longo dos séculos, o Sudário tem sido objeto de estudo e debate, com alguns acreditando em sua autenticidade e outros questionando sua veracidade.

    Temos um artigo completo sobre o assunto, conheça a história do Sudário de Turim.

    O véu de Verônica

    O Pano de Verônica é uma relíquia que, segundo a tradição, foi usado para enxugar o rosto de Jesus enquanto ele carregava a cruz até o Calvário, tal qual ainda relembramos durante a Via Sacra. Acredita-se que a imagem do rosto de Jesus tenha ficado impressa no pano. Apesar de muita polêmica que gira em torno de sua veracidade, a formação da imagem é miraculosa, uma vez que Jesus já estava totalmente ensanguentado. Esse sangue, ao ser limpo pelo pano, não formaria imagem e sim um borrão. Na Basílica de São Pedro, no Vaticano, durante a celebração do Quinto Domingo da Quaresma, o Pano de Verônica é exibido e venerado pelos fiéis.

    imagem de verônica enxugando o rosto de Jesus.

    Você sabe o que são relíquias de santos? Descubra neste artigo.

    O rosto de Jesus segundo o Santo Sudário de Turim

    A imagem mais verossímil que temos do rosto de Jesus é aquela encontrada no Sudário de Turim. Apesar de as evidências robustas do itinerário do Sudário serem encontradas a partir do século XIV, vários detalhes nos apontam para sua veneração muito antes disso. Um deles é a semelhança da face encontrada no Sudário com as representações mais antigas de Jesus. 

    O primeiro ponto marcante na imagem são os inúmeros pequenos pontos perfurantes acima da testa, gerando vários pequenos afluentes de sangue, compatíveis com a coroação de espinhos. 

    Após isso, nos concentramos nos olhos. Obviamente inferimos sua aparência pelo contorno ósseo deixado pelo contato do pano com o rosto de Jesus. São descritos como profundos e firmes, algo que daria um aspecto de, como dizem alguns anatomistas, “olhos de coruja”. Isso está de acordo com representações como o Pantocrator. 

    Vemos tufos de cabelo e barba colados com sangue, dando o aspecto mais universal do rosto de Jesus: a barba e os cabelos longos. 

    o rosto de jesus no santo sudário.
    O rosto de Jesus e seu negativo no Santo Sudário.

    O Santo Sudário é real? Saiba o que a ciência diz sobre a mortalha que teria envolvido o corpo de Nosso Senhor.

    A devoção à Sagrada Face

    Santa Teresinha com uma imagem do rosto de Jesus.

    A devoção à Sagrada Face se centra na contemplação do rosto de Jesus Cristo e na adoração de sua imagem como um símbolo de sua Paixão, morte e ressurreição. Essa devoção enfatiza a ideia de que contemplar a face de Cristo é uma maneira de nos aproximarmos de Deus, afinal, contemplaremos o rosto divino do homem e o rosto humano de Deus. 

    Santa Teresinha do Menino Jesus foi uma fervorosa devota da Sagrada Face. Ela teve uma profunda experiência espiritual ao contemplar uma imagem da face de Cristo durante um período de grave doença. Santa Teresinha acreditava que olhar para a Sagrada Face era uma forma de encontrar consolo em meio ao sofrimento e de se unir mais intimamente a Jesus. Ela escreveu sobre sua devoção à Sagrada Face em suas cartas e em sua autobiografia, destacando a importância dessa prática em sua vida espiritual e incentivando outros a adotá-la também.

    É uma devoção belíssima, principalmente se pensarmos que é uma forma de nos prepararmos para um dia, em amizade com Deus, contemplar sua Verdadeira Face.

    Redação Minha Biblioteca Católica

    O maior clube de leitores católicos do Brasil.

    Assine nossa newsletter com conteúdos exclusivos

      Ao clicar em quero assinar você declara aceita receber conteúdos em seu email e concorda com a nossa política de privacidade.