Formação

Santos Timóteo e Tito, bispos e discípulos de São Paulo

Conheça a vida dos santos Timóteo e Tito, bispos e discípulos de São Paulo, cuja festa litúrgica nós celebramos dia 26 de janeiro.

Santos Timóteo e Tito, bispos e discípulos de São Paulo
Formação

Santos Timóteo e Tito, bispos e discípulos de São Paulo

Conheça a vida dos santos Timóteo e Tito, bispos e discípulos de São Paulo, cuja festa litúrgica nós celebramos dia 26 de janeiro.

Data da Publicação: 12/01/2024
Tempo de leitura:
Autor: Redação MBC
Data da Publicação: 12/01/2024
Tempo de leitura:
Autor: Redação MBC

Você quem são os Santos Timóteo e Tito, e por que a Igreja os celebra no dia 26 de janeiro?

Assim como em todos os tempos, a Igreja primitiva não se desenvolveu com somente um ou outro cristão missionário, andando por aí, como São Paulo, para converter os povos. Muitos são os colaboradores da verdade, que, tendo encontrado o Senhor, vivem somente para Ele.

Confira o artigo que preparamos pra ti, para que tu entendas um pouco mais da beleza do cristianismo, que se difunde pela transmissão da fé, de geração em geração, em particular, na vida de São Timóteo e Tito.

Quem foram os Santos Timóteo e Tito?

São Timóteo

TImóteo e sua avó, por Rembrandt.
TImóteo e sua avó, por Rembrandt.

Timóteo nasceu em Listra, filho de mãe judaica e de pai pagão. Foi um dos colaboradores mais estreitos de São Paulo: “meu filho querido e fiel ao Senhor” (1Cor 4,17). Foi companheiro de viagem e de missão de Paulo, sendo de muita confiança para missões importantes e até delicadas que deveriam ser feitas (cf. At 16, 1-3; 17, 14-15; 18,5). Viajou com Paulo atravessando a Ásia Menor e chegando à Macedônia. Acompanhou Paulo em Atenas, e foi enviado para Tessalônica e Corinto

Algumas de suas relíquias encontram-se, desde 1239, na catedral de Térmoli, na região italiana de Molise, provenientes de Constantinopla.

São Tito

São Tito
São Tito

Tito era de uma família pagã e foi convertido pela pregação e testemunho de São Paulo em Corinto e muito estimado por este (cf. 2Cor 7, 6-7.13-14). Foi com Paulo a Jerusalém por ocasião do Concílio Apostólico. Neste Concílio, debateu-se sobre a circuncisão dos gentios, sendo Paulo contra a circuncisão de pagãos convertidos. Com isso, Tito se tornou um sinal vivo de que o cristianismo é universal.

Tanto Tito como Timóteo, como colaboradores de São Paulo, trocavam cartas pastorais, e é de se imaginar que os ensinamentos do mestre eram transmitidos às comunidades cristãs posteriores.

Quando é o dia dos santos Timóteo e Tito?

O dia que a Igreja celebra São Timóteo e São Tito é 26 de janeiro, precisamente um dia após a data que a Igreja celebra a conversão de São Paulo. Essa data, nada ao acaso, nos mostra que Timóteo e Tito vivenciaram toda a experiência de São Paulo em suas vidas, e é pela conversão de São Paulo que a vida desses grandes santos foi alcançada.

Santos Timóteo e Tito na Bíblia

timóteo e tito icones

As menções a Timóteo e Tito na Bíblia nos fazem perceber a grandeza destes dois bispos, e o exemplo de vida que eles são para nós. Segundo Bento XVI, os dois “ensinam-nos a servir o Evangelho com generosidade, sabendo, porém, que isso também comporta um serviço à própria Igreja”.

Nas cartas de Paulo, vislumbramos homens que sabiam conservar a fé (cf. 2Tm 1, 5), reavivar a chama do dom de Deus (cf. 2Tm 1, 6) e, sem envergonhar-se do testemunho do Senhor (cf. 2Tm 1, 7), levar os eleitos do Pai à fé comum em Cristo Jesus e ao conhecimento da verdadeira piedade, “que se apoia na esperança da vida eterna” (Tt 1, 2).

Timóteo e Tito mostram o que é mais importante para nós hoje: saber ser fiel à doutrina dos Apóstolos e zeloso pelas almas, na Igreja.

O que diz na carta de São Paulo a Tito?

A carta de São Paulo a Tito é extremamente sucinta, tendo somente 3 capítulos. Paulo inicia, como é seu costume, com uma saudação e uma situação geral de sua missão, finalizando a carta com uma saudação de despedida e exortações particulares ao destinatário, no caso, Tito.

O que é de grande relevância nesta carta, de modo particular, é a doutrina cristológica que ocupa 100% do conteúdo teológico. Em particular, o capítulo 2, 11-15 e 3, 4-7.

Imagem de São Timóteo

O que diz na carta de São Paulo a Timóteo?

Diferentemente da carta a Tito, São Paulo se delonga um pouco mais com Timóteo, além do fato de que foram duas as cartas redigidas a Timóteo que chegaram até nós.

A primeira carta, em síntese, dá conselhos a Timóteo sobre como dar conselhos e normas a diferentes tipos de comunidades, e às mais variadas pessoas dentro de uma comunidade (mulheres e homens, viúvas, anciãos), bem como a ser precavido para com falsos mestres. No centro da carta há uma breve profissão de fé com o que parece ser um hino litúrgico em fragmento.

A segunda carta, por sua vez, tem uma pessoalidade e uma vivacidade maior. Nesta carta a Timóteo, Paulo dá o seu exemplo e prepara-se para a morte. Mais uma vez, recorda que haverão falsos mestres, e que os verdadeiros pastores deverão ser responsáveis ante o povo, para serem testemunhas corajosas.

A morte dos santos Timóteo e Tito

Além das muitas andanças e missões feitas com São Paulo, Timóteo esteve, como bispo, à frente da Igreja de Éfeso, e Tito, à frente da Igreja de Creta.

Os dois tiveram sortes diferente ao fim de suas vidas. Segundo a tradição, Tito morreu em Creta de causas naturais, e não por martírio, depois de uma longa vida. A morte de São Tito se deu por volta dos anos 100 d.C.

Já Timóteo, tentando converter pagãos em um de seus discursos, onde repreendeu e criticou cultos pagãos, recebeu, como resposta, pedradas e pauladas, até a morte. Esse fato se ocorreu por volta do ano 97 d.C., segundo algumas tradições.

Assine nossa newsletter com conteúdos exclusivos

    Ao clicar em quero assinar você declara aceita receber conteúdos em seu email e concorda com a nossa política de privacidade.

    Redação MBC

    O maior clube de leitores católicos do Brasil

    Garanta seu box

    O que você vai encontrar neste artigo?

    Você quem são os Santos Timóteo e Tito, e por que a Igreja os celebra no dia 26 de janeiro?

    Assim como em todos os tempos, a Igreja primitiva não se desenvolveu com somente um ou outro cristão missionário, andando por aí, como São Paulo, para converter os povos. Muitos são os colaboradores da verdade, que, tendo encontrado o Senhor, vivem somente para Ele.

    Confira o artigo que preparamos pra ti, para que tu entendas um pouco mais da beleza do cristianismo, que se difunde pela transmissão da fé, de geração em geração, em particular, na vida de São Timóteo e Tito.

    Quem foram os Santos Timóteo e Tito?

    São Timóteo

    TImóteo e sua avó, por Rembrandt.
    TImóteo e sua avó, por Rembrandt.

    Timóteo nasceu em Listra, filho de mãe judaica e de pai pagão. Foi um dos colaboradores mais estreitos de São Paulo: “meu filho querido e fiel ao Senhor” (1Cor 4,17). Foi companheiro de viagem e de missão de Paulo, sendo de muita confiança para missões importantes e até delicadas que deveriam ser feitas (cf. At 16, 1-3; 17, 14-15; 18,5). Viajou com Paulo atravessando a Ásia Menor e chegando à Macedônia. Acompanhou Paulo em Atenas, e foi enviado para Tessalônica e Corinto

    Algumas de suas relíquias encontram-se, desde 1239, na catedral de Térmoli, na região italiana de Molise, provenientes de Constantinopla.

    São Tito

    São Tito
    São Tito

    Tito era de uma família pagã e foi convertido pela pregação e testemunho de São Paulo em Corinto e muito estimado por este (cf. 2Cor 7, 6-7.13-14). Foi com Paulo a Jerusalém por ocasião do Concílio Apostólico. Neste Concílio, debateu-se sobre a circuncisão dos gentios, sendo Paulo contra a circuncisão de pagãos convertidos. Com isso, Tito se tornou um sinal vivo de que o cristianismo é universal.

    Tanto Tito como Timóteo, como colaboradores de São Paulo, trocavam cartas pastorais, e é de se imaginar que os ensinamentos do mestre eram transmitidos às comunidades cristãs posteriores.

    Quando é o dia dos santos Timóteo e Tito?

    O dia que a Igreja celebra São Timóteo e São Tito é 26 de janeiro, precisamente um dia após a data que a Igreja celebra a conversão de São Paulo. Essa data, nada ao acaso, nos mostra que Timóteo e Tito vivenciaram toda a experiência de São Paulo em suas vidas, e é pela conversão de São Paulo que a vida desses grandes santos foi alcançada.

    Santos Timóteo e Tito na Bíblia

    timóteo e tito icones

    As menções a Timóteo e Tito na Bíblia nos fazem perceber a grandeza destes dois bispos, e o exemplo de vida que eles são para nós. Segundo Bento XVI, os dois “ensinam-nos a servir o Evangelho com generosidade, sabendo, porém, que isso também comporta um serviço à própria Igreja”.

    Nas cartas de Paulo, vislumbramos homens que sabiam conservar a fé (cf. 2Tm 1, 5), reavivar a chama do dom de Deus (cf. 2Tm 1, 6) e, sem envergonhar-se do testemunho do Senhor (cf. 2Tm 1, 7), levar os eleitos do Pai à fé comum em Cristo Jesus e ao conhecimento da verdadeira piedade, “que se apoia na esperança da vida eterna” (Tt 1, 2).

    Timóteo e Tito mostram o que é mais importante para nós hoje: saber ser fiel à doutrina dos Apóstolos e zeloso pelas almas, na Igreja.

    O que diz na carta de São Paulo a Tito?

    A carta de São Paulo a Tito é extremamente sucinta, tendo somente 3 capítulos. Paulo inicia, como é seu costume, com uma saudação e uma situação geral de sua missão, finalizando a carta com uma saudação de despedida e exortações particulares ao destinatário, no caso, Tito.

    O que é de grande relevância nesta carta, de modo particular, é a doutrina cristológica que ocupa 100% do conteúdo teológico. Em particular, o capítulo 2, 11-15 e 3, 4-7.

    Imagem de São Timóteo

    O que diz na carta de São Paulo a Timóteo?

    Diferentemente da carta a Tito, São Paulo se delonga um pouco mais com Timóteo, além do fato de que foram duas as cartas redigidas a Timóteo que chegaram até nós.

    A primeira carta, em síntese, dá conselhos a Timóteo sobre como dar conselhos e normas a diferentes tipos de comunidades, e às mais variadas pessoas dentro de uma comunidade (mulheres e homens, viúvas, anciãos), bem como a ser precavido para com falsos mestres. No centro da carta há uma breve profissão de fé com o que parece ser um hino litúrgico em fragmento.

    A segunda carta, por sua vez, tem uma pessoalidade e uma vivacidade maior. Nesta carta a Timóteo, Paulo dá o seu exemplo e prepara-se para a morte. Mais uma vez, recorda que haverão falsos mestres, e que os verdadeiros pastores deverão ser responsáveis ante o povo, para serem testemunhas corajosas.

    A morte dos santos Timóteo e Tito

    Além das muitas andanças e missões feitas com São Paulo, Timóteo esteve, como bispo, à frente da Igreja de Éfeso, e Tito, à frente da Igreja de Creta.

    Os dois tiveram sortes diferente ao fim de suas vidas. Segundo a tradição, Tito morreu em Creta de causas naturais, e não por martírio, depois de uma longa vida. A morte de São Tito se deu por volta dos anos 100 d.C.

    Já Timóteo, tentando converter pagãos em um de seus discursos, onde repreendeu e criticou cultos pagãos, recebeu, como resposta, pedradas e pauladas, até a morte. Esse fato se ocorreu por volta do ano 97 d.C., segundo algumas tradições.

    Redação MBC

    O maior clube de leitores católicos do Brasil

    Assine nossa newsletter com conteúdos exclusivos

      Ao clicar em quero assinar você declara aceita receber conteúdos em seu email e concorda com a nossa política de privacidade.